• Tonetto =)

Por que fazer manutenção preventiva em suas semi-esteiras? Entenda



Pense rápido, o que é melhor, levar sua máquina para uma revisão antes de um problema aparecer ou depois dele aparecer?

Se você é um motorista ou piloto, provavelmente já sabe que a resposta é antes do problema aparecer.

Afinal de contas, se você não levar o seu veículo antes do problema aparecer, ele pode aparecer muito pior! E é só uma questão de tempo.

O mesmo princípio se aplica as suas semi-esteiras e a maioria, se não todas, as máquinas usadas no setor agrícola.

Esta é a versão resumida para a resposta da pergunta presente no título deste artigo.

No entanto, este assunto é tão delicado que precisamos ir mais fundo nos detalhes.

Vamos apresentar para você os motivos para fazer uma manutenção preventiva nas suas semi-esteiras e máquinas em geral.


Por que a manutenção preventiva é melhor do que a corretiva?

Precisamos esclarecer isso no caso especial das plantações de arroz.

Simplesmente porque a plantação de arroz é tudo sobre tempo correto. Se você perder a data de realizar uma atividade, a coisa toda pode ir por água a baixo.

Você pode perder muito ao cometer erros primários.

Uma colheitadeira parada na época da cortação significa: arroz na roça.

Arroz na roça fica sujeito às condições do tempo, como: chuva, vento, granizo e pragas.

O que você precisa fazer é garantir que todas as máquinas estão prontas para serem usadas quando preciso.

Imagine a seguinte situação:

A hora da colheita está se aproximando, você vai precisar de algumas das suas máquinas, o problema é que elas estavam paradas por um bom tempo.

Nesse cenário, as chances de uma das máquinas apresentar problema é gigantesco.

A melhor prática a ser adotada é fazer manutenção preventiva da sua semi esteira ao menos seis meses antes do momento dela ser usada.

Esse tempo é necessário para corrigir possíveis problemas que podem ser encontrados na manutenção preventiva.

Desse modo, você vai corrigir o problema e ficar com tudo pronto na hora do uso.

Acredite ou não, certas máquinas podem demorar semanas ou até meses para serem reparadas.

Tudo depende do tipo de máquina e do defeito da mesma.

Levando em conta que o tipo da máquina é um dos fatores decisivos, o ideal a ser feito é fazer a manutenção das máquinas maiores ou mais complexas primeiro, pois elas tendem a demorar mais tempo para serem reparadas.


Eventos que podem acabar com a sua plantação

Imagine que é hora da colheita, um momento importante em plantações como a de arroz.

E justo nesse momento, a máquina para fazer a colheita não funciona.

Você imediatamente leva a mesma para a manutenção ou chamar algum mecânico para resolver o problema.

Infelizmente, o conserto leva algumas semanas, nesse meio tempo, uma chuva torrencial atinge a sua plantação e com isso você acaba perdendo parte do que seriam os seus lucros.

Além disso, existe a possibilidade das oficinas estarem lotadas e o fornecedor não conseguir fazer o serviço imediatamente.

Lembre-se: quando as cidades giram em torno do arroz, todos ficam envolvidos e cheio de demandas.

Agora imagine o seguinte: se você tivesse feito uma manutenção desta máquina um pouco antes da data da colheita, esse problema poderia ter sido evitado.

Você teria sim gasto o dinheiro com a manutenção, mas ainda assim conseguiria um bom lucro.

Vale a pena se preocupar com a manutenção preventiva para que os resultados da colheita sejam verdadeiramente bons e sem imprevistos.

A manutenção corretiva pode ficar 5,5x mais cara do que a preditiva, pois na emergência você vai gastar muito mais.


Vamos falar sobre os custos

A principal preocupação dos agricultores que têm receio de fazer investimentos com manutenção de máquinas é o custo de todo o processo.

O que essas pessoas não percebem é que o hábito de fazer manutenções regulares pode resultar em um custo benefício gigantesco no longo prazo.

O que acontece na maioria das plantações é o seguinte:

O agricultor não faz manutenções regulares nas suas máquinas, por pura sorte ele até consegue se manter alguns anos sem grandes problemas, até que de repente algo como o demonstrado no nosso exemplo anterior acontece.

E quando isso acontece, os custos podem ser bem altos, nos casos extremos pode até surgir a necessidade de adquirir uma máquina nova.

Mas deixa eu chamar a sua atenção para algo de extrema importância.

Cedo ou tarde, sem uma manutenção regular adequada, você vai acabar com máquinas defeituosas.

Defeitos que podem ser evitados com uma simples manutenção.

Então, de uma forma resumida, fazer manutenções regulares é a melhor coisa que você pode fazer para evitar dores de cabeça desnecessárias.


Os ventos também podem causar prejuízos

Ventos podem derrubar grãos ou até mesmo pé inteiro.

E quanto mais tempo uma colheita for atrasada por causa de um problema em alguma máquina, mais tempo de exposição aos ventos ela terá, o que causará mais prejuízo.

Então se você não está preocupado em fazer manutenções nas suas máquinas porque não há chuvas previstas para o momento, mude a sua maneira de pensar!

Citamos apenas o vento e chuva, mas diversos fatores podem prejudicar a sua colheita se houver atrasos inesperados.


Então… Como fazer uma manutenção?

Em primeiro lugar, é necessário deixar claro que quando falamos sobre manutenção, estamos falando de algo que só pode ser feito por um profissional ou profissionais com as devidas credenciais.

Isso não importando se estamos falando sobre manutenção em um microtrator ou em um super trator, a mesma só pode ser feita por um verdadeiro profissional.

Em segundo lugar, como já mencionamos aqui, a manutenção deve acontecer antes do tempo de uso.

Sendo que o momento exato para fazer uma manutenção depende da complexidade da máquina. Quanto mais complexa, mais tempo de antecedência é necessário.


Conclusão

A sua semi-esteira precisa de manutenção em especial devido as peças que compõe tal máquina.

Ítens como a roda motriz, a sapata, o rolete, o canhão e até os elos da corrente podem ficar desgastados com o tempo.

Diante desse cenário, uma manutenção regular é essencial.

Mas tenha em mente que qualquer máquina usada em plantações necessita de uma manutenção regular.

52 visualizações

Rua Usílio Tonetto, n° 40
Turvo - SC - CEP 88.930-000

 

Tel: + 55 48 3525 0376

       + 55 48 9 9985 3783

       + 55 48 9 9985 3782

  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram ícone social
  • LinkedIn ícone social